Como otimizar seu processo de fulfillment

O processo de fulfillment refere-se a todas as etapas que as empresas devem executar desde o momento em que recebem um pedido até que os itens cheguem às mãos dos clientes.

Para a maioria dos e-commerces, o processo de fulfillment tem o seguinte ciclo:

1# O pedido é recebido – pessoalmente, por telefone, por e-mail, etc;
2# O pedido é inserido nos sistemas de back office (como um ERP ou uma plataforma de contabilidade);
3# O cliente é notificado de que o pedido foi recebido;
4# O pedido é enviado para o depósito;
5# O colaborador encontra os itens do pedido e os pega na prateleira;
6# O pedido é embalado para envio;
7# O pedido é enviado;
8# O cliente é notificado de que o pedido está a caminho;
9# O pedido é entregue ao cliente.

Mas como mensurar a eficiência do seu processo de fulfillment?

Uma das maneiras pelas quais as empresas avaliam a eficiência de seus processos de fulfillment é observando a Métrica do Pedido Perfeito.

Um pedido perfeito é aquele que está no prazo, completo e sem danos, junto com a documentação correta para acompanhá-lo.

Para ajudar você, o Pier8 separou insights e dicas que irão aprimorar seu processo de fulfillment, contribuindo para um atendimento mais rápido, preciso e eficiente. Confira!

Desafios do Processo de Fulfillment

1. Planejamento de Demanda: o planejamento de demanda envolve saber antecipadamente qual será a demanda por um produto, ou os esforços de uma empresa para tentar gerar demanda, como marketing e promoções.

2. Gerenciamento de estoque: o atendimento de pedidos tem tudo a ver com as expectativas do cliente, e é difícil fazer isso se você estiver sem estoque nos itens que os clientes desejam. Saber o que está em estoque, é necessário para não desapontar e aborrecer os clientes.

3. Execução da Cadeia de Suprimentos: quando os itens estão baixos ou esgotados, com que rapidez você consegue recuperá-los em estoque? Com que rapidez os seus fabricantes podem produzir mais produtos? Quanto tempo levará para chegar aos seus armazéns? Estas são questões de execução da cadeia de fornecimento que também podem impactar o atendimento de pedidos.

4. Planejamento de Logística: uma vez que os itens estejam prontos para envio, como você os levará ao cliente? Quanto tempo vai demorar? Os itens serão manuseados com cuidado para que não cheguem danificados?

certo_2

Estratégias para acelerar seu processo de fulfillment

1. Classifique seu inventário para garantir um manuseio rápido: coloque os itens mais vendidos em uma área central do seu depósito. Assim, eles podem ser retirados, embalados e entregues em um período de tempo mínimo.

Itens do seu e-commerce que tem um volume baixo de vendas, podem ser armazenados em uma área separada. Esse arranjo mais lógico pode reduzir o tempo necessário para processar e atender pedidos.

2. Integre os sistemas: para atender rapidamente a um pedido, você precisa de visibilidade em várias áreas: previsão de demanda, vendas, estoque e logística, só para citar alguns.

No mínimo, isso requer algum nível de integração entre o sistema de gerenciamento de pedidos de vendas e o sistema ERP que mantém dados financeiros, bem como os sistemas de inventário e logística que manipulam os processos de coleta, embalagem e expedição.

3. Automatize processos: depois que seus sistemas puderem fornecer mais visibilidade em todos os aspectos do processo, você também deve observar como os próprios processos podem ser acelerados.

A automação não significa necessariamente investir em robótica ou grandes tecnologias, pode ser simples quanto investir em scanners para inserir mais facilmente o inventário no sistema, ou para digitalizá-lo conforme saia.

E para empresas menores, o investimento não precisa ser enorme. Existem até aplicativos que podem ser baixados em um smartphone ou tablet para automatizar esse processo de maneira barata.

Cada um desses métodos tem um benefício duplo. A reclassificação do estoque de volumes maiores de vendas não só ajudará a economizar tempo no processo de atendimento de pedidos, mas também economiza-rá em termos de custos de mão-de-obra no depósito.

A integração de sistemas ajudará a melhorar o processo de atendimento de pedidos, mas também fornecerá melhores relatórios e análises que podem auxiliar na tomada de decisões e na lucratividade. E a automação de processos acelera o atendimento de pedidos, mas também fornece dados mais precisos para pedidos futuros.